Artigos

A era das selfies e a busca incessante pela estética

Você sabia que as “selfies” e as fotos das mídias sociais estão influenciando muitas pessoas a realizarem procedimentos estéticos?

Sim, o crescente comportamento “narcisista” movimenta não só a procura por procedimentos estéticos mas também outros mercados. Um recente relatório do Bank of America Merrill Lynch calcula que o consumo relacionado com os produtos que nos fazem sentir melhor e tornam possível uma aparência à prova de selfies –chamam a isso de vanity capital– movimenta no mundo 3,7 trilhões de dólares (11,65 trilhões de reais). Além dos procedimentos dermatológicos, a lista inclui carros e outros artigos de luxo, cirurgias estéticas, vinhos de qualidade, jóias e cosméticos.

Como chegamos até aqui? A incessante corrida por conquistas pessoais exigida de jovens e adultos explica parte da ânsia narcisista. “A sociedade é hiper demandante e hiper exigente”. Mas cuidado: esse comportamento pode gerar frustração, ansiedade, depressão e agressividade.

De acordo com uma pesquisa da Academia Americana de Plástica Facial e Cirurgia Reconstrutiva (AAFPRS), mais de 50% dos pacientes que realizam um tratamento facial têm como objetivo melhorar a aparência em fotos para as mídias sociais. Entre os procedimentos mais procurados, vale destacar a aplicação da toxina botulínica , não só para atenuar as rugas de expressão, mas também para arquear e melhorar a simetria entre as sobrancelhas. Além disso, outros tratamentos buscados são: o preenchimento de nariz, o preenchimento de olheiras e a técnica MDCodes , a fim de refinar pontos específicos do rosto e emoldurar a face.

Responsabilidade médica e individualização de cada tratamento
Apesar de elevar a autoestima dos pacientes, essa corrida incessante em busca das “selfies perfeitas” devem ser analisadas com atenção pelos médicos. Um ponto muito importante de se ressaltar sobre esse assunto é o papel do dermatologista em orientar corretamente o seu paciente. O dermatologista deve sempre avaliar se, de fato, os pacientes têm a necessidade ou a indicação para realizar tais procedimentos. Além disso, é preciso entender que antes de realizar qualquer tratamento, o médico avaliará o contexto emocional que leva à busca dos procedimentos, alinhar as expectativas e preservar as necessidades individuais de cada um, além de prezar pela naturalidade e bom tom.

Por isso, é fundamental buscar um profissional capacitado, com um olhar holístico, que consiga entregar os melhores resultados para cada caso e cada contexto.
Muitas vezes ficamos tão ocupados controlando a imagem que iremos revelar ao mundo que acabamos perdendo o verdadeiro contato com os momentos que constituem a singularidade da vida concreta….